Sangrando as nuvens púrpuras

19:02

Arte de Geralt
Repartam-se
luas e sóis
devastam-se amores
e sentimentos
teu sorriso
traz um belo sentir
mas
nem tudo é sem sentido
encerram-se os desejos
que norteiam
os odores do caos
perante os seres cinzas.


Francisco Heraldo & João Arruda

You Might Also Like

0 comentários