Pessoas

11:37

Pessoas que você talvez conheça
Em uma lista
numa rede social
Pessoas que você talvez conheça.
Que você talvez esqueça
Que talvez decepcione.
Pessoa com quem dividi o sol
O calor do meu corpo
a paisagem que amava
O copo, as inquietudes.
Agora uma pessoa
Que eu talvez conheça.
Está muito certo.
Não a conhecia então
Nem agora
Amei algo insólito
Quebradiço e vazio.
Amei e fiz poesias
Mas comparado ao mundo
E seus mercados futuros
Que seriam poesias?
Amei. Precisa ver isso aí também:
Amou: grandes coisas
Todo o mundo ama hoje em dia
Com imagética e grandiloquência.
Por horas, mas ama.

Pessoas que você possivelmente TALVEZ
conheça...
Sabe lá o peso desse talvez!
Especialmente quando esse talvez
Tem vida pregressa.
Aí...
É.

Mas tem desdobramentos.
Sim, é uma metástase, sabe?
Pessoa... Talvez...
Talvez?
Minhas mãos se entranhando naquelas vestes
Talvez.
E minha boca naquela boca
Talvez
E nossos dedos enlaçados, e eu a cobrindo da chuva, e eu tratando a sua febre, ajudando a preencher formulários...
Tudo isso... E TALVEZ?

O pior é que É.
Talvez, sim senhor.

Talvez. Talvez murmurado na sua cara com o hálito gélido da saudade, como se ela tivesse chupado um Halls de Malathion.

Talvez geral e irrestrito.
Tudo talvez.
O terreno sólido
Onde lançar as fundações
Da felicidade moderna.

Pergunte a qualquer um
Que você (talvez) conheça.


Claudinei Soares

You Might Also Like

0 comentários