Mas se o homem quiser

13:53

Arte de Jarmoluk
Viva a beleza da praia
Domingo é carnaval
Morre largado com fome
Criança sem um quintal

Com o sorriso aberto
A alma feito deserto
Se acha tudo bonito

É tanta gente que morre
No corre-corre da bola
De hora em hora piora
Se funde homem e bicho

Vivendo a lata do lixo
Com o resto da minha fé
Com um pouco do meu sossego
Me escondo atrás do medo
Rogando a nossa senhora:

Valei-me ó mãe!

Minha criança se droga
Vende seu corpo mulher
Guardai vossa esperança
Pra quando o homem quiser

Pra quando o homem quiser
Mas só se o homem quiser.

Francisco Heraldo


You Might Also Like

0 comentários