Copo na mesa

08:24

Copo na mesa
Cigarro esmagado
Apagado
Em meio à um argumento
Carteira aberta
Sem grana
Sua foto lá dentro
Sacana
Me olha
Te olho um momento
Minha ex senhora
Agora
Nada é sentimento
As horas
As horas
Traiçoeiras
Sufocando o tempo

Cigarro aceso
No lábio
Agarrado
À beira da queda
Como um último insulto
E eu sonho um câncer
Roendo meu pâncreas
Roendo meu cérebro
Num último indulto
Formol de rotina
Whisky, fluoxetina
Escanteio da esquina
Fracassados imersos
Na tina do escárnio
Na beira das camas
As horas
Vadias 
Sacanas
Com tua calcinha esquecida
Sufocam meus versos.

Claudinei Soares

You Might Also Like

0 comentários