Meu jeito estranho de gostar das coisas

11:09

Queria você perto de mim
Mas não aqui
Neste mundo estranho
Neste tempo obscurecido
Talvez eu tenha esquecido
Tudo o que eu nunca soube
Sobre o tal amor
Mas a dor
É tudo o que me leva a você
Com os textos que compõe nossas vidas
Concluí que não sei expressar o que sinto
Seus olhos sabem muito bem me decifrar
Queria você aqui perto de mim
Mas não aqui
Onde homens se matam por qualquer razão
Onde porões imundos aprisionam sonhos
Solidão ainda habita em mim
Talvez minha vida seja toda assim
Mas só você sabe o que realmente quero
Lembranças são boas
E tudo o que nos resta são elas
Queria você aqui
Perto de mim de tudo que sei
Que temo que temi
Você inteira metade eterna de mim
Queria quero
Você perto de mim
Mas não aqui.

Francisco Heraldo 

 04/06/2016

You Might Also Like

0 comentários